Cesau realiza Encontro Estadual em Defesa do SUS

18



O Conselho Estadual de Saúde do Ceará (Cesau-CE) realizará o Encontro Estadual em Defesa do Sistema Único de Saúde (SUS). O evento busca debater assuntos inerentes ao SUS e definir estratégias em prol do Sistema.


Com uma vasta programação, o encontro terá espaços dedicados a apresentação do Plano Estadual de Saúde 2016/2019, debate sobre o ano eleitoral e encerramento com ato público em defesa do SUS.


Na pauta também consta a eleição dos 72 representantes do Ceará para a 20ª Plenária Nacional de Saúde, Entidades, Movimentos Sociais e Populares, a ser realizada em Brasília, nos dias 24 e 25 de agosto. Por essa razão, o Cesau convoca tanto os 184 Conselhos Municipais de Saúde (CMS), localizados no Ceará, quanto os movimentos sociais e centrais sindicais para se fazerem presentes e participarem do pleito.


Inscrições

As inscrições para o evento vão até o dia 4 de agosto e poderão ser feitas exclusivamente no site do Cesau. Os inscritos deverão apresentar no dia do Encontro uma declaração do CMS assinada pela secretaria executiva ou um dos integrantes da Mesa Diretora da Instituição, esse documento deve comprovar que o inscrito é conselheiro de saúde e o período do mandato.


Também se fará necessária a apresentação de documentação com foto, tais como RG ou Carteira de Habilitação. A documentação acima exigida para os conselheiros de saúde, também vale para os integrantes de entidades, movimentos sociais e populares.

O evento acontecerá no próximo dia 8 de agosto, das 8 horas às 17h, no auditório Waldir Arcoverde, localizado no bloco C da Secretaria Estadual da Saúde (Sesa).


20ª Plenária Nacional

É importante ressaltar aos interessados em ir à Brasília, que as despesas com deslocamento, hospedagem e alimentação fora do local do evento, serão por conta dos conselhos e entidades de origem. Ao todo, o Cesau-CE terá 76 vagas, sendo : 4 (quatro) para o Conselho Estadual e 72 para os CMS e demais entidades e movimentos sociais e populares.


O Conselho Nacional de Saúde (CNS) recomenda que as vagas sejam preenchidas de forma paritária, ou seja, 50% usuários, 25% trabalhador de saúde e 25% gestor/prestador.


CLIQUE AQUI E FAÇA A SUA INSCRIÇÃO