Prefeitura de Sobral diminui valor dos salários e gratificações de servidores municipais

19


A Prefeitura de Sobral publicou na última sexta-feira (20), o Decreto Nº 1815, que estabelece a suspensão de todas as concessões de gratificações por serviços relevantes, desempenho fiscal, incentivo aos indicadores em saúde, docência, suporte pedagógico. Como forma, de se adequar com o cenário nacional de racionalização e otimização dos recursos públicos municipais.


Nessa leva, gerou comoção de muitas das categorias que nunca exerceram serviços relevantes ou mesmo cargo em comissão que são a grande massa dos servidores de menor remuneração no administrativo, que tiveram o anuncio da retirada das gratificações de produtividade, desempenho e risco de vida, que compõem o salário base referencia desses servidores. 


Os cortes nos vencimentos estabelecido no decreto serão retroativos a primeiro de janeiro, e causam redutibilidade de salário dos servidores. Contudo, já existem movimentações dos servidores contrários à medida desastrosa do chefe do Executivo, Ivo Gomes (PDT), que não conversou com a representação sindical dos trabalhadores ou mesmo com a câmara de vereadores a cerca dessas movimentações. 


Segundo o sindicalista Erivelton Sousa, O prefeito deveria ter reduzido salário de quem ganha mais e não daqueles servidores que ganha menos“. Citou como exemplo o sindicalista, o salário já reajustado do prefeito, vice-prefeito, secretários e vereadores em 20%,que para eles não tiveram crise. Reclamou. 


Os servidores aguardam ansiosa uma explicação da gestão municipal sobre o achatamento salarial já que os níveis salariais dos profissionais qualificados estão bem abaixo da média em muitos municípios cearense do porte de Sobral.