"O Congresso adora presidente fraco e o Temer é muito fraco", diz Lula

23


Em entrevista, ex-presidente também afirmou que “não vê possibilidade de não ser candidato” em 2018


 


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a afirmar, na manhã desta quinta-feira (23), que está disposto a disputar as eleições presidenciais de 2018 e que confia que quem salvou o Brasil uma vez pode salvar o Brasil de novo.


Em entrevista à rádio 730 AM de Goiás, Lula disse ainda que “não vê possibilidade de não ser candidato”.


Lula tá confiante como nunca, o ex-presidente mandou uma indireta ao apresentador Luciano Huck, ventilado como candidato à corrida presidencial de 2018. Ele criticou as candidaturas que se colocam na figura de “outsiders” da política e disse que gostaria de enfrentar um candidato com o logotipo das organizações Globo na testa.


O Bolsonaro já teve sete mandatos no Congresso e quer tentar dizer que não é político. O povo tem que observar essas coisas, pontuou.


Sobre a atual crise política e econômica no país, Lula rechaçou a submissão do governo de Michel Temer ao Congresso.O Congresso adora presidente fraco e o Temer é muito fraco do ponto de vista da opinião pública. E o Congresso aproveita. Existe articulação política e existe vender a alma ao diabo, que é o que o Temer está fazendo, avaliou.